O Fino da Bola

Blog de Futebol e Podcast de Futebol e outros Esportes

O Fino da Bola - Blog de Futebol e Podcast de Futebol e outros Esportes

Léo, o jogador mais mimimi que eu já vi.

Leonardo Lourenço Bastos, o Léo jogador do Santos é o jogador mais mimimi que eu me lembro no futebol.

Um ótimo lateral esquerdo, muito bom no apoio ao ataque, nem tão bom assim na parte defensiva, mas não chegava a comprometer nos bons tempos do seu futebol.

Leo Santos

Alguns aqui disseram que eu sou amargurado nesse podcast, simplesmente porque eu gosto de secar o time adversário, mas na minha opinião ninguém supera o Léo, para mim ele é mais amargo que chocolate 70% ou jiló.

Digo isso pois li uma entrevista do mesmo falando que a diretoria santista, sabiamente na minha opinião pois ele não tem mais o fôlego que tinha antes e tem tido algumas contusões nos últimos anos que fazem com que ele raramente tenha uma sequência de jogos.

Na entrevista ele diz que é um jogador de grupo, líder e várias outras razões, diz que tem gente que ganha muito mais que ele e não entra em campo e outros mimimi’s.

Toda vez que o Santos conquista algum título com ele em campo, fico impressionado, é sempre ele e a Fabi do vôlei, na hora do título, da comemoração vem com aquela amargura no coração mandar os outros calarem a boca, que ninguém acreditava neles e outras baboseiras sem tamanho.

Na minha humilde opinião, na hora que você vence, a vitória por sí só já mostra para os seus desafetos que você conseguiu, naquele momento você deve estravasar a felicidade da conquista, não ficar lembrando do pessoal que pegou no seu pé, que te encheu o saco, as favas com os do contra.

Para mim isso sim é amargura Sr Edu Zanardi, que nunca acreditou no meu potencial, que ficou me criticando, vai ter que me engolir!

Nogueira é blogueiro. Escreve no Fino da Bola além de cuidar do funcionamento (ou não) do blog.

Categoria: Post
  • Gabriel diz:

    O Léo sempre vem com essas declarações polêmicas… Tá sendo o cara mais ingrato do futebol mundial. Ganhou mais 1 ano de contrato quando tinha que ter se aposentado no fim de 2012, sempre foi titular mesmo com outros laterais em condições melhores que ele, recebe em dia, adorado pela torcida e por aí vai.

    Uma coisa que sempre me irritou no Léo foi a postura de dono da lateral do Santos não importa quem venha. Quando veio o Guilherme Santos (não que ele seja um baita lateral), a titularidade do Léo foi contestada. Bastou fazer 1 jogo bom que ele saiu de campo batendo no peito: “A camisa 3 é minha! Vai ser difícil tirar de mim”. Que jogador ouve essa declaração e vai querer jogar no Santos? Que mlk da base vai ter ânimo de tentar alguma coisa?

    Aí com a chegada do Mena o Léo viu que não dava mais e resolveu tentar vaga no meio… Claro que não ia dar em nada, o forte dele nunca foi uma boa técnica e um bom passe. Sempre foi a velocidade e o preparo físico, que hj ele não tem mais.

    Então, Léo, um pouco mais de auto crítica faz bem. Não vem jogando nada há 2 anos, vive de lampejos de bom futebol e acha que ainda pode exigir alguma coisa…

  • Clayton [Santista e Nerazzurri] diz:

    O Léo é um ídolo santista. Mas tem que entender que o ciclo dele já foi faz algum tempo, desde a Copa Libertadores de 2011, mesmo ele sendo titular, o Alex Sandro estava voando e merecia a vaga de titular. Gostaria de agradecer o Léo, sugiro até uma festa de despedida bonita na Vila, com direito a placa e tudo. Agora por favor não use sua idolatria com a torcida para colocar nossa diretoria incompetente contra parede. Seu ciclo acabou mas sua história no peixe é eterna. Obrigado guerreio.

    “Nascer, viver e no Santos morrer. É um orgulho que nem todos podem ter.”

  • Rafael Saldanha diz:

    Sempre achei o Léo um jogadorzinho beeeeem mediano. E já que o tema é mimimi, faço aqui o jabá do meu podcast: http://www.mimimicast.com

    Um abraço!

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*

*